com Clóvis de Barros Filho

A leitura dos textos filosóficos é um desafio que muitos dos que admitem gostar de filosofia não ousam enfrentar. O curso propõe uma ousadia inicial: analisar as grandes questões da humanidade a partir da leitura de textos filosóficos curtos, com o auxílio da didática única do professor Clóvis de Barros Filho. A cada aula, uma questão e as diversas respostas propostas ao longo da história do pensamento em toda sua beleza original.

Atenção: este curso apresenta trechos de alguns textos, que serão lidos e comentados pelo professor em sala de aula e, posteriormente, disponibilizados aos alunos.

ENCONTROS
Quem é o outro?
Texto 1 – Platão – O outro, espelho de minha alma (Alcebíades) Texto 2 – Descartes – Especificidade da comunicação humana (Carta ao Marques de Newcastle) Texto 3 – Rousseau – O nascimento da piedade (Ensaio sobre a origem das línguas) Texto 3 – Kant – Pensar com outro (Crítica da razão pura) Texto 4 – Merleau-Ponty – O diálogo (Fenomenologia da percepção) Texto 5 – Sartre – O olhar do outro e a vergonha perante o outro (O ser e o nada) Texto 6 – Levinas – O outro, revelação da responsabilidade moral (Humanismo do outro homem) Texto 7 – Deleuze – O outro como estrutura do possível (A lógica do sentido)
14/mai, das 12h30 às 14h30
Será que ainda creio em ti?
Texto 1 - Pascal - A aposta, expressão de uma fé razoável (Pensamentos) Texto 2 - Espinosa - A fé não busca a verdade (Tratado teológico-político) Texto 3 -Rousseau - A religião natural, independente de toda revelação (Emilio ou da educação) Texto 4 – Kant – A religião moral (A religião nos limites da simples razão) Texto 5 -Dalai-Lama - O budismo é uma religião? (Para além dos dogmas) Texto 6 – Hegel – O absoluto, objeto da religião (Lição sobre a filosofia da religião) Texto 7 - Marx - O opium do povo (Criticas da filosofia de Hegel)
21/mai, das 12h30 às 14h30
É possível dizer a verdade?
Texto 1 - Platão - A difícil conquista da verdade (A República, Livro 7º) Texto 2 - Pascal - Verdades do coração, verdades da razão (Pensamentos) Texto 3 -Descartes – Simplicidade da verdade (Carta a Mersenne) e Intuição e dedução (Regras para a direção do espírito) Texto 4 - Leibniz - O cálculo contra a evidência (Meditações sobre o conhecimento e a verdade das ideias) Texto 5 - Hume - O sol se levantará amanhã? (Investigação sobre o entendimento humano) Texto 6 – Kant – Critérios universais da verdade (Lógica) Texto 7 - Freud - Erro e ilusão (O futuro de uma ilusão)
28/mai, das 12h30 às 14h30
O que falar quer dizer
Texto 1 - Platão - Uma dominação ilusória (O Sofista) Texto 2 - Gênesis – A Torre de Babel (Bíblia Sagrada) Texto 3 - Santo Agostinho - Lembranças da infância (Confissões) Texto 4 - Rousseau – As paixões na origem das línguas (Ensaio sobre a origem das línguas) Texto 5 - Merleau-Ponty - Falar o pensamento (Signos) Texto 6 - Ricoeur - Poder da Palavra (Do texto à ação) Texto 7 – Bourdieu - O que falar quer dizer (Questões de sociologia)
11/jun, das 12h30 às 14h30
Revisão e discussão sobre as ideias já apresentadas
18/jun, das 12h30 às 14h30
INFORMAÇÕES

Duração: 5 encontros
Dias: Segundas-feiras, das 12h30 às 14h30
Encontros: 14/5, 21/5, 28/5, 11/6 e 18/6
Local: Casa do Saber Jardins / Mario Ferraz
Preço: R$ 287,50 na inscrição + 1 parcela de R$ 287,50

SOBRE O PROFESSOR
Clóvis de Barros Filho
é formado em Comunicação Social e Direito, com especialização em Direito Constitucional e em Sociologia do Direito pela Faculté de Droit, d'Economie et des Sciences Sociales (Paris). Possui diploma de estudos aprofundados em Ciências Políticas pela Université Sorbonne Nouvelle (Paris) e doutorado em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicação e Artes da USP. Instaurou e coordenou o curso de pós-graduação, mestrado em Comunicação e Práticas de Consumo na ESPM. Possui título de livre-docente pela ECA-USP, onde também é professor efetivo. É autor dos livros “Ética na Comunicação – Revista e Atualizada”, e “Comunicação do Eu: Ética e Solidão”, entre outros.


com Anna Verônica Mautner

Sobram no divã do analista padecimentos de excluídos. Essa força ideológica procurando impor igualdade por decreto gera abalos graves na autoestima. O tema é recorrente nos jornais, nas notícias sobre o cotidiano. O Legislativo procura regulamentar as questões oriundas das novas forças democráticas que visam inclusão a mais universal possível.

INFORMAÇÕES

Data: Quinta-feira, 10 de maio, das 20h às 21h
Local: Casa do Saber Jardins / Mario Ferraz
Vagas limitadas. Inscrições Gratuitas pelo telefone (11) 3707-8900.

 
SOBRE A PROFESSORA
Anna Verônica Mautner
é psicanalista da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo e colunista da "Folha de S. Paulo".