Trabalho amplia rede de contatos profissionais

FREE-LANCE PARA A FOLHA

Além de ser um diferencial importante na hora de conseguir o primeiro emprego, monografias ou projetos de graduação podem ser uma boa oportunidade para fazer contatos com diversas empresas ainda na faculdade.
Estagiários podem, por exemplo, direcionar seus projetos para uma área de interesse da companhia onde atuam. E, com isso, conseguir até uma efetivação.
Foi o que aconteceu com Fernanda Sarkis, 23, que cursou publicidade e marketing na universidade Mackenzie. Ela era estagiária na Visa do Brasil havia um ano e meio quando resolveu fazer seu trabalho de conclusão sobre a empresa.
Com isso, diz, conheceu melhor a companhia e o projeto tornou-se mais fácil de fazer. Três meses depois da defesa, foi contratada como analista de marketing.
Mas nem sempre o trabalho interessa à companhia pesquisada. Daniel Lopes Franco, que cursou engenharia da produção no Instituto Mauá de Tecnologia, fez seu trabalho de graduação sobre uma empresa do varejo. Ele apresentou a idéia e não conseguiu que seu projeto fosse implantado. Quando o levou para a Rhodia, onde era estagiário, conseguiu a efetivação. "Acho que foi só graças a isso que consegui [ser contratado]." (RE)
Fonte: Folha Classificados - Emprego - pag. 2  25/08/02