Livros

Livros Assuntos RP

Outros Livros

DICAS BIBLIOGRÁFICAS

Nesta seção você encontra dicas sobre livros e artigos ligados à atividade de Relações Públicas. Seu objetivo é tornar mais acessível aos interessados por essa atividade textos selecionados que contribuam para seu estudo. É novo serviço prestado pelo Sindicato aos associados e que conta com a colaboração do professor Fábio França, Mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da USP. Diga-nos – o que acha desta iniciativa?

Dicionário de Comunicação

 
                                                 .
 

Dicionário de Comunicação
Carlos Alberto RabaçaGustavo Barbosa
Lançado em 12/5/2001 • 816 pág
R$ 99,00

  A terceira edição, revista e atualizada, do Dicionário de Comunicação, de Carlos Alberto Rabaça e Gustavo Guimarães Barbosa, busca explicar, de maneira clara, objetiva e, muitas vezes, ilustrada, os termos utilizados por estudantes e profissionais de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Editoração, Relações Públicas, Pesquisa, Marketing, Televisão, Rádio, Internet, Fotografia, Teatro e Cinema. Diante das novas mídias e da inovação tecnológica, o campo da Comunicação é constantemente enriquecido por novos termos importados de outras áreas e de outras línguas, o que levou à necessidade de atualização do dicionário, editado em 1987. A nova edição traz mais de 7 mil definições e apresenta como inovação a terminologia da informática, da tecnologia digital e das telecomunicações, cujo conhecimento é indispensável para os profissionais de Comunicação. O dicionário define conceitual e operacionalmente Relações Públicas e trata também dos principais termos utilizados pela atividade, como lobby, comunicação interna/externa, massa, multidão, público, comunicação organizacional e institucional, entre tantos outros. Carlos Alberto Rabaça é consultor de comunicação, professor e sociólogo, pós-graduado em Comunicação Institucional pelo Center Office of Information de Londres, com ampla experiência profissional na área de Comunicação. Gustavo Guimarães Barbosa é mestre em comunicação pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UFRJ) e consultor especializado em editoração e marketing institucional. RABAÇA, Carlos Aberto, BARBOSA, Gustavo Guimarães. Dicionário de Comunicação. 2.ed. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2001. Pedidos www.editoracampus.com.br  Mariana M. Geraldine /ARTIGO/ Metodista. Fonte: Canal de RP No 44

Livros de Nelson Speers

Nelson Speers edita com exclusividade os seus livros  e podem ser pedidos diretamente pelo site www.nelsonspeers.com.br  . Speers é  considerado um dos expoentes na área de: CERIMONIAL – PROTOCOLO – ETIQUETA

  TÍTULOS

& CERIMONIAL PARA RELAÇÕES PÚBLICAS 1 (604 páginas 2 volumes)  R$ 179,00
Descreve e analisa um a um os principais eventos do dia-a-dia do político, executivo ou comunicador.
Nota: Este livro encontra-se padronizado na maioria das universidades públicas e privadas. É adotado pelos poderes executivos, legislativos e judiciários, em nível municipal, estadual e federal e, ainda, por instituições para estatais e privadas.

&  RELAÇÕES PÚBLICAS PARA CLIENTES E PROFISSIONAIS (106 páginas) R$ 44,00
Procura com simplicidade, estabelecer entre o cliente e o profissional de RR.PP. uma linguagem que permita a um e outro desenvolver a atividade de RR.PP. dentro de uma mutua compreensão. 

&  CERIMONIAL DE CONDUTA (198 páginas) R$ 59,00
Livro onde as regras de etiqueta para o dia-a-dia são tratadas sem sofisticação e sem modismos, em nível profissional.

&  CERIMONIAL PARA MUNICÍPIOS (166 páginas) R$ 54,00
      Encara as normas do cerimonial sob o prisma das relações públicas, resgatando para a autoridade municipal sua real posição.

&  CERIMONIAL PARA A INDÚSTRIA HOTELEIRA (290 páginas) R$ 78,00
Um trabalho dedicado à administração hoteleira, incluindo o ritual da alimentação no aspecto do cerimonial sob o prisma das relações públicas.

&  CERIMONIAL – MANUAL ( 244 páginas) R$ 43,00
Todas as informações de urgência, referentes ao cerimonial (formato de bolso)

&  CERIMONIAL PARA RELAÇÕES PÚBLICAS "2"   (905 páginas) R$ 268,00
      Ocupando os espaços em aberto, abordando múltiplos aspectos que não constaram de “Cerimonial de Relações Públicas  1”, inclui 14 páginas coloridas, esquemas e gráficos.

&  CARTILHA DO CERIMONIAL (104 páginas) R$ 41,00
Um livro dedicado aos pais, educadores e jovens objetivando abrir para estes o caminho para a sociedade e o sucesso.

&  O BRASIL E O CERIMONIAL  (150páginas) R$ 39,00
Aborda o Cerimonial no Brasil, a partir da época do descobrimento até os dias de hoje, para melhor compreensão das  normas vigente

&   A UNIVERSIDADE E O CERIMONIAL NA ÓTICA DAS RELAÇÕES PÚBLICAS (342 páginas) R$ 89,00
Alia a experiência do autor no referente ao cerimonial universitário aos aspectos históricos dessa instituição por  compreensão dos seus rituais.

Para adquirir esse livros entre no site: www.nelsonspeers.com.br
agosto de 2005

CERIMONIAL

“COLETÂNEA – NELSON SPEERS”

INTRODUÇÃO

 

 

 

                        Embora não mais esteja assessorando qualquer cliente por estar retirado em cidade do interior, optei pelo caminho de estudar e analisar as práticas do cerimonial. Preencho com isso uma lacuna do período em que estive em atividade. Neste praticava atos, tomava decisão e para assegurar o êxito da tarefa que estava incumbido. As razões, os fundamentos, as alternativas foram por mim muito pouco citadas. Hoje no sossego e silêncio de meu retiro vejo o quanto tal coisa me faltou no exercício de minha profissão.

                        Iniciei o preenchimento dessa lacuna escrevendo alguns livros que divulgo e vendo pelo meu site e usando o sistema tradicional de comercialização de livros mantendo a distribuição as livrarias pela Distribuidora Batatais.

                        Refletindo concluí que manter uma bibliografia sobre CERIMONIAL não é fácil a todos. O custo não é baixo. Assim fica o interessado prejudicado profissionalmente. Acresce que determinados temas básicos, controversos e atuais surgem em razão de mudanças no contexto motivacional. A dinâmica de nossa existência é uma realidade. Aí é que a respeito se elabore matéria a ser contida em um livro haverá um intervalo considerável e prejudicial ao profissional. Assim optei por pinçar em meus livros temas que considero básicos, fazer o mesmo na bibliografia que possuo e adquiro com freqüência, bem como recorrer a imprensa periódica. Atento aos temas controversos e situações atuais me proponho escrever sobre Cerimonial do momento e quiçá do futuro. Assim optei por organizar uma “Coletânea” onde periodicamente incluirei matéria que no meu julgamento deve chegar com urgência ao conhecimento do profissional ao CERIMONIAL.

 

                                                            (PARA A DIVULGAÇÃO)

 

A introdução pode ser obtida pelo interessado sem qualquer ônus, mediante visita ao ao site:

www.nelsonspeers.com.br

 

& CERIMONIAL EXPLICADO EM LIVRO
Duas novas obras sobre cerimonial chegam a meu conhecimento e imediatamente repasso pra você. Afinal, mesmo em meio a tanta discussão sobre a regulamentação desta parte especifica de relações publicas numa dada e nova profissão neste pais, diante da organização e profissionalismo com que trabalha o Comitê Nacional de Cerimonial Publico, sempre precisamos estar abertos a intercâmbios. Vamos lá:
- O Cerimonial nas Empresas, de Marielza Andrade, considerado para iniciantes. Mais dados pelo vkm@abordo.com.br  ou fone 61-225.0400;
- Fundamentos do Cerimonial no Antigo Testamento e Antologia de “Causos” do Cerimonial, de Marcilio Reinaux, registram curiosidades na área do cerimonial. Mais dados pelo reinauxcerimonia@uol.com.br  ou fones
81-3454.5262 e 5288.
Fonte: Mundo RP do Rodrigo Cogo  03/10/02

Planejamento Estratégico

O livro Planejamento Estratégico: conceitos, metodologia e práticas, de Djalma de Pinho Rebouças de Oliveira, é resultado de sua vivência como consultor de empresas, na área de administração estratégica.

Sua experiência profissional uniu-se à acadêmica, como professor na graduação e na pós-graduação da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/USP), Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (EAESP/FGV), Fundação Álvares Penteado (FAAP) e em outras escolas de Administração de Empresas.

 O grande objetivo da obra é fornecer aos executivos, de maneira clara e precisa, bases sólidas para a elaboração e a implantação do Planejamento Estratégico em suas empresas – tão necessário diante do mundo globalizado –, assim como auxiliá-los no processo decisório, seu desafio contínuo. Os conceitos do autor aplicam-se não apenas à Administração, mas também às profissões que necessitam desse instrumento para obter a excelência no exercício de suas atividades, como é o caso das Relações Públicas. O livro refere-se, inclusive, a aspectos relacionados à área da comunicação, como, por exemplo, ao falar das relações com o consumidor e ao estabelecimento da visão organizacional.

De linguagem fácil, porém técnica, o livro destina-se a todos os públicos.

Sua 16º edição é de 2001 e apresenta excelente estrutura, com temas muito bem divididos. Em dez capítulos, são apresentados, ordenadamente, as etapas do processo do Planejamento Estratégico, os principais conceitos de planejamento e de sua implantação e seus instrumentos. Ao final da obra, o autor chama a atenção para os pontos mais críticos para os planejadores e alerta-os dizendo que, se não forem devidamente cuidados, podem liquidar todo o processo.

Ao final, Djalma Pinho R. de Oliveira lista os principais equívocos cometidos durante a elaboração e a implementação do Planejamento Estratégico e as principais técnicas de controle e avaliação deste processo, para o qual indica, inclusive, metodologia específica.

OLIVEIRA, Djalma de Pinho Rebouças de. Planejamento Estratégico: conceitos, metodologia e práticas. – 16. ed. – São Paulo: Atlas, 2001. 337p.

Mariana M. Geraldine, Canal RP 39, 18/06/02

&  Comunicação, marketing, cultura: sentidos da administração, do trabalho e do consumo
Organizadores: Tupã Gomes Corrêa, Sidinéia Gomes Freitas
São Paulo: ECA/USP, CLC, 1999, 267p
.

O Departamento de Relações Públicas, Propaganda e Turismo da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo apresenta esta obra que reúne 19 artigos produzidos pelo seu corpo docente, alguns de seus alunos de pós-graduação e colaboradores.

Os trabalhos seguem três linhas de pesquisa, que determinam os rumos dos trabalhos nessa área. A primeira, “Comunicação Institucional: Políticas e Processos”, conta com artigos de grandes nomes como Margarida Maria Krohling Kunsch, Heloisa Helena Gomes de Matos, Mitsuru Higushi Yanaze e Sidinéia Gomes de Freitas.

“Arte Publicitária e Produção Simbólica”, a segunda linha de pesquisa, reúne nomes como Tupã Gomes Corrêa, Ivan Santos Barbosa, Gino Giacomini Filho, Waldenyr Caldas e Sandra Maria Ribeiro de Souza.

Na terceira linha estão pesquisadores como Beatriz Helena Gelas Lage e Mario Carlos Beni.

Os temas tratados neste livro vão desde estudos sobre o universo dos negócios até revisões teóricas do campo da publicidade. Inclui também, estudos de caso sobre a realidade cultural nipo-brasileira. A importância desses trabalhos está na maneira como aproximam o trabalho acadêmico e o mundo real, pois tratam objetivamente de temas como a comunicação publicitária, os desafios das relações públicas, as diversas implicações da administração e o mercado de trabalho.

Como referência pode-se citar Comunicação para o Mercado: Instituições, Mercado, Publicidade, um livro anteriormente publicado com artigos resultantes de pesquisas realizadas no mesmo espaço de estudo.

Fonte: Jornal online dos alunos da ECA   31/05/02

&  LEGISLAÇÃO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL
 “Está devidamente lançado o novo livro do Prof. Antonio Costella: "Legislação da Comunicação Social". Trata-se de um manual destinado aos
estudantes e aos jovens profissionais da área de Comunicação Social, sintetizando os preceitos legais a serem observados no exercício das atividades de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Relações  Públicas, Rádio e TV, Produção Editorial e Cinema. O autor, ex-professor da matéria
na ECA-USP, e atual docente do Curso de Jornalismo do UniFIAM, tem uma vasta
bibliografia que reúne sua experiência como advogado o conhecimento
histórico indispensável à compreensão dos conflitos jurídicos que surgem no exercício profissional midiático. A obra pode ser adquirida através de pedidos à Editora Mantiqueira -
Caixa Postal 12.814 - cep: 04010-970 São Paulo – Capital - Telefone: 11- 2870734 ou fax: 11-2510234. SP, 5/05/2002

&  Introdução à Comunicação Empresarial
Autor: Juarez Bahia Preço:20,00
Resumo:
Você quer saber quais as engrenagens necessárias para um eficaz entrosamento entre empresa e sociedade, empresa e funcionários, empresa e mídia? Com o didatismo de um mestre, o experiente jornalista e consultor de empresas Juarez Bahia mostra e explica, neste livro, todos os mecanismos que envolvem essas relações.
Conheças-os, comunique-se. Mauad Editora
Você pode comprar nas livrarias:Unesp  Alameda Santos, 647 - Telefone: 11.32339560
Vozes Rua Haddock Lobo, 360 - Telefone: 11 32560611 20.05.02

&  Marketing Cultural ao vivo – Depoimentos: Org. Cândido José Mendes de Almeida, Sílvio Da-Rin – Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1992: 184p. Este livro trata do marketing cultural como fenômeno recente no Brasil e vê seu surgimento como conseqüência da diminuição das verbas públicas para a cultura. A riqueza da cultura brasileira está a exigir que se encontre formas de promovê-la fora do paternalismo estatal. O autor afirma que as formas clássicas de financiamento da produção da cultura têm sido o Estado, a iniciativa privada e a receita direta. Frente às limitações deste triângulo surge a alternativa do marketing cultural, que deverá desenvolver-se muito  como mecanismo capaz de divulgar as realizações do país. O tema é abordado em seus vários aspectos na forma de depoimentos que analisam os fundamentos do marketing cultural, suas diversas formas de realização, finalizando com três modelos de ações de sucesso nessa área. Como é escassa a literatura sobre o assunto no Brasil, vale conferir.
F.F.

&  Comunicação Eficaz na Empresa – Como Melhorar o Fluxo de Informações para Tomar Decisões Corretas:  (coletânea de artigos da revista) ; tradução Talita Macedo Rodrigues – Rio de Janeiro: Campus, 1999; 254p. -  Trata-se de uma coletânea de 17 artigos da Havard Business Review  que estudam a comunicação eficaz nas empresas, as barreiras ao processo, a cultura organizacional, o fluxo de informações e a administração desse fluxo para se tomar decisões corretas. Ensina a identificar problemas que impedem a comunicação, como aprimorar as habilidades de comunicação explícita (redigir, conduzir reuniões...), como reconhecer as mensagens transversais da “rede informal” e as formas de estabelecer objetivos e metas de eficácia na comunicação. Indicado para quem pretende tratar seriamente a comunicação e dela obter resultados.
F.F.

&  Poder, Cultura e Ética nas Organizações: 2ª edição: Robert Henry Srour. - Rio de Janeiro: Campus, 1998; 337p. – Robert Srour é cientista social e doutor em Sociologia pela USP, onde é professor dos MBAs da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA). Nessa importante publicação, analisa  as relações de trabalho nas empresas competitivas a partir das profundas transformações por que passaram, levando-se em conta também a mudança de paradigma do operário padrão clássico para o surgimento do operador consciente, profissional sem uniforme, escolarizado e capacitado, que substituiu o uso da força pela utilização das faculdades mentais. Como aconteceu tudo isso? Não foi por altruísmo.  O autor estuda em profundidade o processo das pressões políticas, econômicas, sociais  e mercadológicas que redefiniram as relações capitalistas desde o período entre as duas guerras mundiais. Em seguida, analisa o novo paradigma das relações  de mercado, de parceria entre Estado e sociedade, a consciência da responsabilidade social das organizações e os benefícios decorrentes das inovações tecnológicas  e de atendimento das necessidades de consumo coletivo, que fazem  com que o  interesse comum readquira sua natureza primordial de controle  exercido pelos cidadãos sobre a coisa pública. A leitura dessa obra exige aplicação, mas vale a pena.
F.F.

&  Projetos Culturais – Elaboração, Administração, Aspectos Legais, Busca de Patrocínio.  Maria Eugênia Malagodi, Fábio de Sá Cesnik – São Paulo: Escrituras Editora, 1999, 254p. -  O subtítulo da obra já evidencia seu teor: estudo e prática das leis de incentivos fiscais para a cultura. Seu objetivo principal, segundo os autores, é instrumentalizar os produtores culturais na elaboração dos projetos, auxiliando-os no uso da linguagem adequada para cada situação, tanto para maximizar os recursos disponíveis, como para evitar problemas, contratando e pagando corretamente, e dirigir de modo adequado a potenciais patrocinadores. Além da parte teórica do planejamento, análise e elaboração do projeto cultural, os autores tratam dos aspectos legais e apresentam os formulários e planilhas que devem ser utilizados de acordo com o estabelecido na lei de incentivo fiscal. Bom conferir para se obter êxito na promoção dos produtos culturais e se evitar os tropeços comuns nesse campo.
F.F.

& MANUAL DA QUALIDADE EM PROJETOS DE COMUNICAÇÃO. Este livro dos professores Fábio França e Sidinéia Gomes Freitas focaliza a produção dos Projetos Experimentais de Comunicação, destinado tanto a bacharelandos de Relações Públicas como de Jornalismo, Publicidade e  Propaganda. Trabalho pioneiro, este Manual tem por  objetivo orientar a produção acadêmica, com qualidade,  de projetos de conclusão de curso.  Está dividido em seis partes nas quais destaca a importância dos projetos e seus objetivos; a comparação entre  as formas tradicionais e os novos paradigmas da Qualidade Total nos projetos; o que é e qual o objetivo de cada uma das partes de um projeto; as exigências da metodologia em um trabalho científico, com roteiro prático de montagem e apresentação e uma parte inteiramente destinada à Apresentação Oral do Projeto.  Oferece ainda extensa indicação bibliográfica, o que agiliza a procura das fontes de consulta pelos estudantes. O Manual da Qualidade em Projetos de Comunicação foi formulado a partir das necessidades concretas dos bacharelandos que se aplicam à montagem de seu projeto de conclusão de curso. Por isso vem sendo utilizado com sucesso em número cada vez maior de cursos de comunicação e Relações Públicas em todo o Brasil. Publicado pela Pioneira, São Paulo, 1997, 258p.

&     RR.PP. – ESTRATEGIAS Y TÁCTICAS DE COMUNICACIÓN INTEGRADORA. O autor da obra é Roberto E. Avilia Lammertyn.  Trata-se de moderno compêndio sobre os temas usuais de relações públicas,  utilizadas no contexto organizacional. Pode ser utilizado com introdutório a quem estiver ingressando no mundo das comunicações institucionais, de consulta para que não é profissional dessa área, de aprofundamento conceitual para publicitários, jornalistas e como nova proposta para profissionais. O autor trata do conceito de RP como disciplina moderna, da comunicação integrada, da ação integradora de RP e da relação dessa atividade com outras habilitações da comunicação, sem esquecer-se de estudar a imagem corporativa e os públicos, opinião pública e comunicação social.  Dedica-se, em seguida, a estudar a função de Relações Públicas nas organizações, as estratégias e táticas em Relações Públicas, quando trata de todo o instrumental da atividade: pesquisa, avaliação,  planejamento, comunicação externa, publicidade institucional, imprensa, imagem corporativa, publicações segmentadas, eventos, ações de lobbying, crises, comunicação interna.  Estuda ainda a mídia, ensina como criar uma consultoria de Relações Públicas e as principais tarefas que podem ser desenvolvidas na área da comunicação, da publicidade e propaganda e de marketing.  O livro de Lammertyn é amplo e denso; rico em análises, questionamentos, definições e reflexões sobre Relações Públicas e a comunicação. Contribui de fato, com seus conteúdos teóricos,  para o aprofundamento do estudo da atividade profissional de Relações Públicas.  Publicação da Revista Imagen  - Empresaria + RR.PP. + Comunicación + Lobbying; 1ª edição – março de 1997. – 290 p. (Ciudad de la Paz, 2849, Piso 3, Of B (1428), Buenos Aires. - http:/www.relacionespublicas.com; E-mail: imagen@relacionespublicas.com)

&     FORMAR A OPINIÃO – O NOVO JOGO POLÍTICO.  – Tradução do livro Faire l’opinion – le nouveau jeu politique  de Patrick Champanhe, renomado sociólogo francês, especialista na sociologia mediática. (Editora Vozes, Petrópolis, 1998, 291p). Está em foco a análise sociológica da prática das sondagens de opinião, dos debates políticos na televisão e das manifestações de rua e os resultados dessas ações na formação da opinião dos cidadãos, que nem sempre participam, de fato, do jogo político como se pode fazer crer pelo uso dos modernos meios de comunicação nos regimes democráticos.  Os argumentos de Patrick Champanhe merecem ser consultados pelos profissionais que se dedicam ao estudo da opinião pública, das pesquisas de opinião e das manifestações populares dentro do jogo político democrático.

&    EM CRISE COM A OPINIÃO PÚBLICA – O Diálogo como técnica fundamental para solucionar disputas. Autores: Lawrence Susskind & Patrick Field.  (São Paulo, Futura, 1997, 318p). – Este livro é específico para profissionais de Relações Públicas que devem estar preparados para lidar com crises. Os autores analisam vários casos de crises envolvendo órgãos governamentais e empresas privadas e casos de grandes crises como o vazamento de petróleo no Alasca, a controvérsia sobre os implantes de silicone e os problemas com a  usina nuclear de Three Mile Island. Susskind e Patrick Field  analisam o descontentamento do público, a inevitabilidade dos acidentes, a mídia e os princípios que devem prevalecer nas crises. Defendem a tese de que esses casos podem ser solucionados pela abordagem de ganhos mútuos e que dar atenção ao descontentamento do público deve ser uma preocupação de governos e empresas para que continuem a ter credibilidade e a competir sem prejuízo no mercado internacional.

&     COMUNICAÇÃO, MARKETING, CULTURA – Sentidos da Administração, do Trabalho e do Consumo. Organizadores: Tupã Gomes Corrêa e Sidinéia Gomes Freitas (São Paulo, ECA/USP: CLC, 1999, 266p). – Essa publicação recorda, em sua apresentação e em seu prefácio, a história de pesquisas e da atualidade da Escola de Comunicações e Artes da USP. Reúne 17 artigos  de professores e alunos da ECA, que estudam o mercado e o comportamento dos consumidores; a propaganda,  o marketing público; teorias da imagem gráfica, da comunicação de massa e da comunicação informal; relações públicas no contexto da comunicação e da administração,  e da comunicação organizacional. Estuda ainda o merchandising em telenovela, o significado do trabalho, trazendo artigos especiais o mercado “dekassegui” brasileiro no Japão, a identidade dos nipo-brasileiros, festas tradicionais no Japão e correlações com o Brasil. A obra, segundo Tupã Gomes Corrêa, reúne o que há de  mais atual na pesquisa e estudos realizados no Departamento de Relações Públicas, Propaganda e Turismo da Escola de Comunicações e Artes da USP.

&     Relações Públicas X função política e a administração de conflitos/controvérsias nas organizações.   Esse artigo de Cláudia Peixoto de Moura e Cleusa Maria Andrade Scroferneker, doutorandas do programa de Ciências da Comunicação da ECA-USP e docentes da FAMECOS-PUCRS, procura identificar as várias abordagens sobre Relações Públicas e encontrar um arcabouço teórico que possa responder a duas questões: Relações Públicas legitimam o discurso de poder das organizações? Administram os conflitos organizacionais? As autoras procuram encontrar resposta às questões na bibliografia brasileira sobre RP, em entrevista, e em estudos de James E. Grunig e Larissa Grunig. Desenvolve-se o artigo apresentando oito enfoques de RP segundo Roberto P. Simões, o quadro comparativo das opiniões de diversos autores consultados, e, afinal, o paradigma de “quatro modelos” de James E. Grunig: Mão Única/Assimétricos: Assessoria de Imprensa/Publicidade e Informação ao público; Assimétrico/Simétrico de Mão Dupla. O estudo evidencia o impasse conceitual existente sobre definição/funções de Relações Públicas e contribui, segundo as autoras, para se criar um corpus teórico de uma teoria de Relações Públicas. (Ver in Comunicação, Marketing, Cultura, ECA/USP, pp. 203-227).

&     MANAGING PUBLIC RELATIONS  - James E. Grunig e Todd Hunt (Harcourt Brace Jovanovich College Publishers, Orlando, Florida, 1984, 550p). James Grunig é um dos autores de maior renome nos dias de hoje no campo de Relações Públicas. Ainda pouco conhecido no Brasil. Pretende com seu livro ajudar aos professores, estudantes e profissionais de RP. Define conceitos e modelos históricos de RP e o que  essa atividade pode fazer pelas organizações. Defende seu modelo assimétrico/simétrico  de mão dupla em Relações Públicas, que a seu ver substitui o modelo persuasivo que predominou sempre. Essa obra de Grunig é completa tanto do ponto de vista teórico como prático e traz para os profissionais brasileiros muita novidade. Está dividida em quatro partes: Natureza de RP; Princípios de gerenciamento de RP; Gerenciamento de RP: Gerenciamento das técnicas de RP. Merece ser estudada e adotada pelos cursos de Relações Públicas tão carentes de  obras atuais e bem fundamentadas.

&     RELAÇÕES PÚBLICAS E MODERNIDADE – NOVOS PARADIGMAS NA COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL -  Margarida Maria Krohling Kunsch (São Paulo, Summus, 1997, 156p). – Pesquisadora atenta, a professora Margarida  estuda neste livro a história da comunicação organizacional no Brasil e a inter-relação dessa comunicação com a atividade de Relações Públicas. Resgata aspectos relevantes dessa história e lança novas idéias sobre o papel de RP nas organizações modernas no contexto da comunicação integrada. Analisa a trajetória de RP e os desafios da década de 90, as origens e evolução da comunicação  organizacional,  a contribuição de RP para o desenvolvimento dessa comunicação entre nós. Advoga um redimensionamento conceitual de RP que tome por base  as ciências sociais aplicadas e procura traçar os novos paradigmas que interliguem RP e a comunicação organizacional em busca de  comunicação “excelente” e “integrada”.  Julga que  os profissionais de RP devem “pensar grande” para vencer os desafios da modernidade. O livro interessa a estudantes, mas também a todos os estudiosos que não estão a par do movimento histórico da comunicação e de Relações Públicas no Brasil.

&     COMMUNICATING WITH EMPLOYEES – Improving organizational communication. (Crisp Publications, Inc. Menlo Park, California, 1994, 87p). Bastante conhecido é o autor Frank M. Corrado pelo seu livro “A força da comunicação”. Na obra em foco, F. Corrado analisa as barreiras que impedem a comunicação efetiva com os empregados e apresenta uma série de recursos que podem torná-la cada vez mais eficaz. Na primeira parte, explica como fazer uma auditoria da comunicação; na segunda, como planejar com sucesso a comunicação; e, afinal, oferece um kit de para o sucesso da nova comunicação, que sofre o impacto da tecnologia. No apêndice, deixa um modelo de pesquisa da comunicação com empregados.  O texto de Corrado desperta a curiosidade do leitor e o conduz a examinar a eficácia de seus programas de comunicação com empregados.

&    VISÃO, VALORES E MISSÃO ORGANIZACIONAL – Construindo a organização do futuro. Cynthia D. Scott, Dennis T. Jaffe e Glenn R. Tobe (Rio de Janeiro, 1998, 101p). – Livro elaborado para ser lido com o “lápis na mão”, pois apresenta exercícios, atividades, avaliações e exemplos que convidam à participação. Seu propósito é dar ao leitor  compreensão do processo de criação da visão e da importância dos valores do indivíduo, do grupo e da organização. Para os autores, esses valores se encaixam para criar uma organização coerente, alinhada e produtiva. Neste livro aprende-se, sem complicação, seus principais tópicos; os elementos do processo de criação de visão; como clarificar seus valores; como ligar os valores das pessoas aos da organização; como desenvolver missões pessoais, de equipes e da organização.

&     IMAGEM PÚBLICA – Glória para uns, Ruína para outros. Walter Poyares, São Paulo, Globo, 1998, 208p). – O professor Poyares,  criador do primeiro curso em nível de pós-graduação sobre Opinião Pública e  Relações Públicas na PUC do Rio de Janeiro na década de 60, reuniu neste livro estudos sobre a importância e o papel da imagem pública para as organizações, empresários, políticos, atletas ou artistas. Walter Poyares estuda a Imagem Pública a partir dos fatos de êxito e de fracasso encontrados na mídia. Em seguida, analisa conceitos de opinião pública, público, veículos, imagem, cujo conhecimento é fundamental para se entender a imagem pública. Procura identificar os fenômenos e definir os meios de ação para  estudo e planejamento  mais cuidadosos e seguros de campanhas, evitando-se desperdícios e erros fatais. Os fatos atuais apresentados pelo autor tornam a leitura de sua obra útil e agradável.

&    O OMBUDSMAN E O CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO.  Marcos J. T. Amaral Filho. (São Paulo, Editora da Universidade de São Paulo: Ícone, 1993, 302p). – Representante, defensor do povo, ou ouvidor-geral são termos que se aplicam à palavra ombudsman, que representa tradicional instituição sueca. A proposta do autor é  compreender a função social e jurídica do ombudsman no âmbito das instituições públicas e privadas. Depois de estudar comparativamente a figura do ombudsman em diversos países onde existe essa experiência (Suécia, Finlândia, Dinamarca, Noruega, Alemanha, Inglaterra, Canadá, Estados Unidos, França, Portugal, Espanha e Israel), o autor dedica-se na Parte V a estudar a possibilidade de implantação do ombudsman no Brasil,  Obra necessária para quem quiser conhecer as origens e o verdadeira significado da função do ombudsman.

&     LA INVESTIGACIÓN CIENTÍFICA DE LOS MEDIOS DE COMUNICACIÓN – Una introducción a sus métodos. Roger D. Wimmer e Joseph R. Dominick. (Traduzido do original Mass Media Research. An Introduction.  Bosch Casa Editorial, S.A., Comte d’Urgell, 51, bis – 08011 Barcelona, 1996, 492p). – Esta obra trata da pesquisa social sobre os meios de comunicação de massa e ensina como usar a metodologia científica de investigação social aplicada a atividade mediática. Esta dividida em cinco partes, 18 capítulos e 4 apêndices. A primeira parte compreende quatro capítulos sobre a fundamentação da investigação científica. A segunda parte apresenta diversas estratégias de investigação, incluindo a investigação longitudinal e outros métodos qualitativos. A terceira parte explica em três capítulos os procedimentos de análises de dados. A Quarta parte analisa várias modalidades de investigação social aplicada e apresenta um capítulo sobre a medição científica dos efeitos dos meios. Na quinta parte estuda a interpretação e apresentação de resultados. Cada capítulo é finalizado com um rol de perguntas e  problemas que podem ser desenvolvidos posteriormente. Nos anexos apresenta:  tabelas estatísticas; procedimentos básicos da análise estatística multivariável; guia prático para discussão em grupos; dados reais de estudo realizado por um instituto de Denver, Colorado. Obra completa e de grande utilidade para pesquisadores dos meios de comunicação de massa.

&     THIS IS PR: THE REALITIES OF PUBLIC RELATIONS. Doug Newsom e Alan Scott. (Wadsworth Publishing Company, Inc. Belmont, California, 318p). – Os autores acreditam firmemente que a prática de relações públicas – a prática de boas relações públicas – resulta da implementação de sólida teoria. Apresentam a teoria e as práticas de RP sem mistérios, preocupando-se em definir bem o campo da ética e seu papel em relações públicas. Na primeira parte definem o que é RP e o seu papel; na segunda parte, os públicos; na terceira e quarta, pesquisa e comunicação; na quinta parte, a prevenção do pânico, ética, e a prática de RP;  na sexta parte, com enfoque geral, apresentam  relações públicas em ação. Além de outras informações e exemplos sobre a prática de relações públicas, apresentam os códigos de ética (americanos) de RP, de Publicidade e Propaganda, de Jornalismo, de Rádiodifusão e de TV, fechando o livro com um glossário de termos técnicos.  Para Doug e Newsom, o papel do profissional de RP é ligar o público e a instituição. E sua primeira função é  saber o que seu público-alvo  necessita saber, e deseja saber, tornando a instituição ciente dessas necessidades; e sua segunda função é  descobrir os caminhos para apresentar informação vital de modo que os públicos a ouçam e compreendam.  Esta obra é, sem dúvida, excelente manual de relações públicas.

&     LESLY’S PUBLIC RELATIONS HANDBOOK. Philip Lesly (Prentice-Hall, Inc. Englewoods Cliffs, N. J.). – O autor é reconhecido como autoridade em relações públicas na atualidade. É presidente da “The Philip Lesly Company” e autor de vários livros sobre comunicação e RP. Ao estilo dos handbooks americanos, a obra citada de Philip Lesly reúne longa lista de especialistas que se dedicam, cada um, a explicitar os temas de que tratam de modo amplo e profundo. Este Handbook é completo no tratamento de relações públicas e de seu campo de ação e um dos mais utilizados no mundo. Divide-se em sete seções: 1. o que é Relações públicas e o que faz; 2. o que faz parte da pauta de RP; 3. como  a organização utiliza RP; 4. análise e preparação para RP - pesquisa; 5. técnicas de comunicação; 6. a prática de RP; 7. temas emergentes e negócios. Traz em seu final: bibliografia, glossário, códigos de ética, rol de associações e índice.  Vale a pena conferir pela riqueza de conhecimentos que transmite e pela variedade de situações que apresenta na prática profissional de relações públicas.

&     OS FUNDAMENTOS DE RELAÇÕES PÚBLICAS E DA COMUNICAÇÃO. Philip Lesly (São Paulo, Pioneira, 1995, 256p). – A partir da constatação de que hoje as atitudes das pessoas determinam o que acontece dentro de qualquer nação, sociedade ou comunidade, o autor lembra que as lideranças autocráticas estão chegando ao fim e que os líderes agora devem conseguir apoio e não ordená-lo. O processo para se conseguir esse apoio envolve a comunicação e relações públicas. Para Lesly, RP é a ciência e a arte de compreender, de ajustar e influenciar o “clima humano”. É a única disciplina que vai ao âmago do porquê e do como as massas agem e reagem ao seu meio ambiente social e fornece os meios  de como direcionar essas reações, tornando-se, portanto, poderoso fator de influência nos assuntos de cada país, região, grupo ou organização. O livro de Lesly e de seus colaboradores dedica-se a explicar os princípios de relações públicas e a sua prática. Discorre sobre a natureza e o papel de RP; políticas, assuntos públicos, crises e oportunidades; a natureza das comunicações eficazes; análise, planejamento e programação; pesquisa de opinião para RP; fatos para RP; preparativos para a comunicação; relações com a mídia de propaganda; RP e marketing. Enriquece o livro com  indicação de fontes de informação, grupos de influência, glossário, código de ética da prática de RP da Sociedade Americana de Relações Públicas, e organizações de relações públicas.

&     CURSO DE RELAÇÕES PÚBLICAS.  Cândido Teobaldo de Souza Andrade. (São Paulo, Atlas, 1980). – O livro em epígrafe é um clássico da atividade no Brasil. Fundador do curso de RP na USP, onde doutorou-se  em comunicação, o professor Teobaldo, autor de várias outras publicações sobre relações públicas, explica no seu curso: público e opinião pública; público em relações públicas; funções e estrutura de serviços de relações públicas; assessoria e pesquisa em RP; relações com o público em geral; com o público interno; com o público misto; com a imprensa; com a comunidade, com as escolas, com os concorrentes; com os poderes públicos. Relações públicas internacionais e a noção  de relator público, suas funções e seu campo de ação. Destinado a estudantes de relações públicas, este livro continua sendo texto obrigatório nas escolas de comunicação do Brasil.

&     GUIA BRASILEIRO DE RELAÇÕES PÚBLICAS. – Esta publicação é de responsabilidade da Associação Brasileira de Relações Públicas e está em sua sétima edição (1997, 198p). Foi publicado pela primeira vez em 1979. Desde sua origem é um guia histórico e documental. Traz toda a legislação sobre relações públicas, seus órgãos assessores, leis e decretos relativos a profissão, relação de cursos de relações públicas, Código de Ética, endereços dos órgãos representativos da atividade no Brasil e Bibliografia de Relações Públicas e Opinião Pública, que pretende ser a mais completa de autores brasileiros.  Guia prático e muito útil para estudantes e profissionais, colocando em suas mãos todas as referências sobre a prática de relações públicas no Brasil.

Professor Fábio França.
Mestre em Ciências da Comunicação pela ECA/USP com a dissertação
“Comunicação Organizacional na Era da Qualidade Total”.
 Publicou “Manual da Qualidade em Projetos de Comunicação”
 em co-autoria com a  professora doutora Sidinéia Gomes Freitas.

"Media Training" foi lançado dia 29/09/99

Livro demonstra a executivos mais de 60 regras para relações com a imprensa e prevê o fim da comunicação social

Alinhando considerações inquietantes sobre os efeitos que a Internet e a concentração financeira poderão ter sobre as atividades de comunicação social, o jornalista Nemércio Nogueira mostra por que é um dos mais destacados consultores de comunicação empresarial do país: "O que atrai e magnetiza nesse quadro é o imenso desafio, a provocação sem precedentes à criatividade, colocados perante os executivos de empresas e os especialistas em comunicação - jornalistas, profissionais de relações públicas e publicitários - por esse inacreditável mundo novo".
É assim que ele conclui o livro Media Training, que foi lançado quarta-feira, 29 de setembro, de l999, na Livraria Cultura (Conjunto Nacional, à Av. Paulista, 2073). Com prefácio do publicitário Mauro Salles, o livro orienta executivos para o relacionamento eficaz com os jornalistas, reunindo mais de 60 regras para conduzir essa interface.
Presidente da R.P. Consult, consultoria de comunicação fundada há 14 anos, que trabalha para empresas como Procter & Gamble, Philip Morris, Accor Brasil, Agfa-Gevaert, Eastman Chemical e outras de destaque no país, Nemércio Nogueira valeu-se exatamente de sua grande experiência como jornalista, publicitário e especialista em comunicação empresarial para reunir neste livro, de leitura rápida e objetiva, as orientações indispensáveis para o bom relacionamento com a imprensa e os equívocos a evitar nesse campo.
Dirigido a executivos de empresas, mas também a estudantes de administração e comunicação e ainda a consultores e assessores de comunicação, o livro Media Training demonstra o contexto mais amplo de relações públicas ou comunicação empresarial, no qual os jornalistas se situam como o mais multiplicador dos públicos.
A função social do jornalista é igualmente analisada por Nemércio Nogueira, com uma explicação sobre por que se afirma que "os jornais só dão noticias ruins". Após alinhar observações sobre o trabalho dos jornalistas e seu significado para a comunicação empresarial, o livro relaciona os novos paradigmas da comunicação e seu impacto sobre a imagem corporativa, demonstrando por que uma empresa deve dar informações à mídia e ter postura reconhecida como ética e transparente pelos jornalistas - e, por seu intermédio, pela opinião pública.
Além disso, Media Training analisa os problemas das empresas no contato com a mídia e expõe as características do trabalho dos jornalistas, que devem ser conhecidas por quem se relaciona com eles. Após enumerar expectativas de jornalistas face a empresas e assessorias de imprensa, o ultimo capitulo de Media Training comenta as grandes alterações que ocorrerão no trabalho de comunicação empresarial em virtude da concentração financeira global e do avanço da Internet, que já influenciam a publicidade e o noticiário dos veículos tradicionais e cujo impacto será ainda maior, afetando em seus fundamentos os campos da Publicidade, do Jornalismo e das Relações Públicas. Como resultado desse complexo processo, Nemércio Nogueira prevê "o fim da Comunicação Social", tanto no setor empresarial como no campo político, e sua substituição por uma comunicação liderada por "marcas-empresas", muito mais segmentada, até individualizada e fortemente apoiada em projetos de cunho social.
Cultura Editores Associados.

Fone/Fax(0XX11) 285-4723/289-2019 e-mail: editora@cultura.com.br

MEDIA TRAINING, de Nemércio Nogueira
Melhorando as relações da empresa com os jornalistas ...
de olho no fim da Comunicação Social
Brochura 16 x 23 cm, 112 páginas, R$ 19,00
CONTATOS COM O AUTOR
Nemércio Nogueira
(11) 549- 3707 / 571-6872
 rpcons@mandic.com.br

THEORIES OF THE INFORMATION...
Frank Webster

Hoje em dia, fala-se de uma revolução na tecnologia da informação, assim como de uma sociedade da informação. Mas o que essas expressões significam ? Em Theories of the Information Society (Routledge, 257 págs., R$ 52,88), Webster analisa diferentes períodos do desenvolvimento informativo, avalia sua importância e faz comentários sobre todas as maiores teorias pós-guerra: as idéias de Daniel Bell sobre a sociedade pós-industrial, os pensamentos de Antony Giddens sobre o crescimento da fiscalização e a expansão do Estado nacional, a insistência de Herbert Schiller de que a informação expressa consolida os interesses do capitalismo corporativo, além de outros ensaios de Jürgen Habermas, Jean Baudrillard e Manuel Castells.

Esse livro pode ser encontrado ou encomendado na Livraria Cultura. Telefone (0xx11) 285-4033 ou pelo site www.livcultura.com.br 
e-mail livros@livcultura.com.br


Livros Publicados pela Summus Editorial que podem ser solicitados pelo e-mail divulg@summus.com.br.


DICIONÁRIO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES PÚBLICAS E COMUNICAÇÃO
e glossário de termos anglo-americanos
Candido Teobaldo de Souza Andrade

Considerando a necessidade permanente de publicações que indiquem o significado e a conceituação técnica de termos em áreas especializadas, esta notável e importante obra foi revista e ampliada. Indispensável nas prateleiras de estudantes e profissionais das áreas de comunicação e relações públicas. REF. 571, R$ 18,00

PLANEJAMENTO DE RELAÇÕES PÚBLICAS
na comunicação integrada
Margarida Maria Krohling Kunsch

No mundo moderno, o planejamento desempenha um papel decisivo nas organizações de todos os tipos. As organizações precisam atuar como sistemas abertos, criando novos sistemas de comunicação com a sociedade. Este livro mostra como o planejamento de Relações Públicas em função da comunicação integrada nas organizações pode contribuir de modo definitivo para a consolidação destas como sistemas abertos. REF. 263, R$ 18,00

O NEGÓCIO É O SEGUINTE
Gilda Fleury Meirelles
Maria Eliza de Araujo Barros

Ao longo dos últimos anos a globalização está diminuindo as distâncias entre povos, sendo isto um fato positivo. Porém, ao mesmo tempo, está criando outro fato que pode se tornar perigoso, ou seja, a perda da identidade cultural dos povos e a massificação dos hábitos e costumes.

É imprescindível que as nações não se esqueçam de seu passado histórico, não correndo assim o risco de negligenciar a sua cultura. 

Todos os profissionais bem sucedidos sabem que é indispensável estar bem preparados nas mais diversas situações do convívio social. Este livro vem mostrar a eles o quanto é importante aprofundar seus conhecimentos de práticas de convivência social a nível mundial, por meio do estudo das formas de tratamento, linguagem, vocabulário, gestos e principalmente da religião, pois se torna bastante difícil a convivência sem a análise das crenças religiosas de cada povo. 

O que podemos e o que não devemos fazer quando queremos realizar grandes negócios, só depende de estarmos preparados ou não, isto é, tomar decisões eficientes e eficazes, atitudes consideradas hoje uma necessidade vital para todo profissional em busca de sucesso. 

Na sua essência, este livro traduz os princípios de orientação em um guia prático para execução, pois ensina o que fazer e como fazer, tendo como princípio básico o respeito pelos hábitos e costumes de cada nação, evitando dessa forma a homogeneização de seus valores. Esta, sem dúvida, é mais uma obra que contribui para o sucesso das relações empresariais no nível internacional. 

Celita Procópio de Carvalho
Presidente do Conselho Curador
Fundação Armando Álvares Penteado

O PROCESSO DE RELAÇÕES PÚBLICAS
Hebe Wey

O livro oferece uma visão da profissão de relações públicas como atividade típica das sociedades urbano-industriais. A partir de um enfoque sociológico, apresenta seu desenvolvimento dentro da realidade brasileira. A obra apresenta o trabalho de Relações Públicas tal como é exercido na atualidade, procurando enfocar a responsabilidade do profissional de RP junto à formação de opinião e comportamento de massas. Um capítulo analisa a estrutura de RP de oito grandes empresas e termina com uma visão sobre as assessorias externas de Relações Públicas. REF. 150, R$ 18,00

RELAÇÕES PÚBLICAS E MODERNIDADE
Novos paradigmas em comunicação organizacional
Margarida Maria Krohling Kunsch

Analisando as tendências das Relações Publicas e da comunicação empresarial, esta obra mostra as regiões de contato entre as duas áreas. Com base em referencial teórico atualizado, o tema é analisado segundo a moderna teoria da "comunicação excelente". Surge daí, no contexto da comunicação empresarial integrada, uma série de paradigmas novos, capazes de colocá-la efetivamente no caminho da modernidade dentro de uma sociedade cada vez mais globalizada. REF. 604, R$ 18,00

TRANSMARKETING
Estratégias Avançadas
de Relações Públicas no Campo do Marketing
Waldyr Gutierrez Fortes

Uma palavra passará a freqüentar, por certo assiduamente, as páginas dos cadernos de Economia e das publicações especializadas em Publicidade e Propaganda, marketing, Administração e Relações Públicas: transmarketing. Uma palavra nova, novíssima, que nasceu brasileira.

O que é transmarketing ?

A resposta de Waldyr Gutierrez Fortes, profissional conceituado da área de Relações Públicas, consultor de empresas e professor de cursos de pós-graduaçào, passa por uma importante previsão. No mundo empresarial do próximo século – do qual estamos apenas alguns meses distantes -, irão vencer as organizações realmente conhecerem as pessoas com as quais se relacionam. Leia-se: seu público, seus consumidores. E o mais decisivo: irão vencer as empresas que conhecerem as pessoas com as quais ainda não se relacionam, e sabem por que não se relacionam. Leia-se: os novos mercados a serem conquistados.

Esse é o tema central de TRANSMARKETING – Estratégias Avançadas de Relações Públicas no Campo do Marketing, mais um lançamento de qualidade da Summus, o número 60 da sua conhecida coleção Novas Buscar em Comunicação. Uma série que reúne, há mais de 10 anos, os maiores especialistas na matéria.

O transmarketing, como o apresenta em seu livro o professor Gutierrez Fortes, é uma tarefa complexa, difícil. Mas não há como fugir dela. As empresas que pretenderem resultados positivos terão de enfrentá-la, congregando na mesma ofensiva as práticas profissionais de Marketing, Administraçào Estratégia, Comunicação e Relações Públicas.

Uma leitura fundamental para profissionais e estudantes das áreas citadas, e também para empresários atentos às novas tendências e desafios.

Título: TRANSMARKETING – Estratégia Avançada de Relações Públicas no Campo do Marketing
Autor
: Waldyr Gutierrez Fortes
Páginas: 216
Preço: R$ 23,00
Lançamento: julho/99
ISBN: 85-323-0682-9
Público-alvo: Estudantes e profissionais de Publicidade e Propaganda, Marketing, Administração de Empresas, Relações Públicas e empresários atentos às novas tendências e desafíos.
Mais Informações:
Nicodemus Pessoa e Guilherme Loureiro
Tel.:(011) 3872-3322/ (011) Fax: 3872-7476/ e-mail divulg@summus.com.br
Summus editorial Ltda.
Rua Cardoso de Almeida, 1287 05013-001 São Paulo - SP
www.summus.com.br
summus@summus.com.br

RELAÇÕES PÚBLICAS: FUNÇÃO POLÍTICA
Roberto Porto Simões

Este livro apresenta as Relações Públicas de uma forma científica nos seus aspectos conceituais e operacionais, colocando à disposição de profissionais, professores e estudantes uma teoria que permite o estabelecimento de uma linguagem comum a todos os seus membros. O autor distribui, exemplifica e ilustra as informações de modo racional e agradável, elaborando um livro-texto para ensino e, ao mesmo tempo, uma fonte de consulta para empresários, governantes e pessoas interessadas no assunto. REF. 480, R$ 26,00

RELAÇÕES PÚBLICAS NO MODO DE PRODUÇÃO CAPITALISTA
Cicilia Krohling Peruzzo

Utilizando o materialismo histórico como referencial teórico, a autora procura situar as Relações Públicas no contexto da moderna produção dos países capitalistas. O estudo mostra as dificuldades encontradas pelas RP para se colocarem a serviço da sociedade como um todo. REF. 253, R$ 16,00

RELEASEMANIA
Uma contribuição para o estudo do press-release no Brasil
Gerson Moreira Lima

Nos dias de hoje o press-release assume uma importância tal nas redações que muitos jornais pautam grande parte de suas matérias a partir do material distribuído pelas assessorias de imprensa. Este livro é uma abordagem crítica do jornalismo e das Relações Públicas no Brasil. Além disso, é um manual de atuação do homem de comunicação nas assessorias de imprensa. Ensina como elaborar press-releases, teasers e press-kits, com exemplos práticos. REF. 213, R$ 14,00

COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL/COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL
Conceitos, estratégias, planejamento e técnicas
Francisco Gaudêncio Torquato do Rego

Uma abordagem sistêmica da comunicação empresarial/institucional, demonstrando que a comunicação exerce um extraordinário poder para o equilíbrio, o desenvolvimento e a expansão das empresas. Neste livro, a comunicação é considerada como uma ação integrada de meios, formas, recursos, canais e intenções. REF. 240, R$ 20,00

COMUNICAÇÃO DIRIGIDA ESCRITA NA EMPRESA
Teoria e prática
Cleuza G. Gimenes Cesca

Ao lado de conceitos técnicos, a autora apresenta, numerosos exemplos e sugestões viáveis de sistemas de comunicação escrita nas empresas. Numa linguagem fácil, demonstra a necessidade do emprego deste tipo de atividade a ser realizada pelas assessorias de relações públicas para se obter um bom fluxo interno das informações. REF. 492, R$ 18,00

ESTRATÉGIAS EMPRESARIAIS DIANTE DO NOVO CONSUMIDOR - Relações Públicas e aspectos jurídicos.
Cleuza G. Gimenes Cesca e Wilson Cesca
Na opinião da professora Isildinha o livro é sem dúvida, uma fonte de consulta indispensável. A obra traz um retrospecto do histórico profissional de relações públicas, com definições nacionais e internacionais; as funções do profissional de RP; uma pesquisa sobre o serviço e a estrutura de atendimento ao consumidor e o Código de Defesa. O livro traz a luz das relações públicas, uma nova forma de ver e entender as exigências do novo consumidor.
EDITORA: Summus - 196 pg.  28/10/2001
PREÇO: R$26,00 nas livrarias Saraiva e Siciliano e no site Submarino

www.submarino.com.br
/ www.saraiva.com.br / www.siciliano.com.br

CONSUMIDOR VERSUS PROPAGANDA
Gino Giacomini Filho

A credibilidade da propaganda se vê cada vaz mais abalada pela parcialidade do publicitário e pela insatisfação gerada nos consumidores, que se sentem lesados. Aqui são revistos os principais conceitos referentes ao consumerismo, marketing e merchandising, acompanhados de uma visão histórica da defesa do consumidor no Brasil e em outros países. O autor demonstra que a defesa do consumidor pode ser aliada à publicidade, desde que esta seja aplicada num interesse social. Assim, propõe uma nova ética publicitária. Como apêndice, o novo Código Brasileiro de Defesa do Consumidor devidamente analisado. REF. 176, R$ 18,00

JORNALISMO EMPRESARIAL
Francisco Gaudêncio Torquato do Rego

Este texto destina-se aos alunos das escolas de comunicação e aos profissionais de jornalismo empresarial. É o primeiro que se publica sobre o assunto, com teoria, história e prática. O autor teve a preocupação de enfocar nossa realidade, na exposição teórica, no retrospecto histórico e nos exemplos práticos. Ampla bibliografia e muitos gráficos. REF. 187, R$ 20,00

O PODER DAS MARCAS
J. B. Pinho

O acelerado desenvolvimento tecnológico dos produtos industriais permite que muitos fabricantes apresentem ao mercado artigos com as mesmas especificações. Nesse contexto, a imagem da marca assume uma importância vital. O autor se propõe a aprofundar o conhecimento do processo de gestão de marcas, bem como determinar com maior precisão o papel que a publicidade cumpre na construção da imagem da marca. REF. 549, R$ 17,00

PROPAGANDA INSTITUCIONAL
Usos e funções da propaganda em relações públicas
J. B. Pinho

Como a propaganda pode ser utilizada para constituir uma imagem institucional? Em que ela difere da publicidade e como pode ser utilizada como instrumento eficaz de Relações Públicas? Obra indispensável para profissionais de publicidade e estudantes de comunicação. REF. 051, R$ 18,00

ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS
Manual para planejamento e execução
Cleuza G. Gimenes Cesca

Este livro aborda a importância da realização de eventos na área empresarial com objetivos de divulgação, promoção, relações públicas etc. São abordadas formas de eventos aplicáveis a qualquer tipo de empresa, bem como aspectos fundamentais na escolha e definição do evento: sua importância, retorno, relação custo/benefício. Unindo larga experiência de docente ao conhecimento prático, a autora focaliza tanto aspectos teóricos quanto práticos, proporcionando um guia seguro e abrangente para os profissionais e estudantes de relações públicas, turismo, recursos humanos e publicidade. REF. 602, R$ 19,00


Nesta seção serão apresentadas resenhas de livros da área de Relações Públicas fornecidas pelas Editoras.


DICIONÁRIO DE RELAÇÕES PÚBLICAS GANHA EDIÇÃO REVISTA E AMPLIADA

Publicado pela 1a vez em l978, é o único Dicionário de RP disponível em português.
Por ser uma atividade bastante recente, ainda pairam muitas questões sobre as Relações Públicas: "O que é ?" e o "que faz ?". Muitas vezes, ela é confundida com publicidade, jornalismo, marketing e administração, mas, com o tempo está adquirindo status de independência e tendo sua importância confirmada na comunicação.
Um dos responsáveis por essa mudança, certamente, é o relações públicas, jornalista e professor Cândido Teobaldo de Souza Andrade, autor do DICIONÁRIO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES PÚBLICAS E COMUNICAÇÃO e glossário de termos anglo-americanos, obra publicada pela primeira vez em l978. Dada à especificidade e importância da obra – é o único dicionário sobre relações públicas disponível em português – a SUMMUS lançou uma edição revista e ampliada.Nesse relançamento, Cândido Teobaldo reformulou todo o livro introduzindo novos termos e conceitos, revendo inúmeros verbetes para adaptá-los às exigências atuais.
Algumas vezes, prefere conservar definições e conceitos originais para que o leitor possa acompanhar sua evolução, mas não pára por aí: acrescenta comentários, exemplos e também ressalta os significados consagrados pela prática.
Além dos neologismos criados a partir da língua inglesa, a área de RP foi invadida por siglas e nomenclaturas dessa língua. Para atenuar essa dificuldade, o Dicionário é complementado por um glossário de mais de 1200 termos anglo-americanos.
O DICIONÁRIO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES PÚBLICAS E COMUNICAÇÃO é um guia de orientação prática e valiosa indispensável a profissionais e estudantes.

Título: DICIONÁRIO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES PUBLICAS E COMUNICAÇÃO e glossário de termos anglo-americanos.
Edição revista e ampliada
Autor: Cândido Teobaldo de Souza Andrade
Páginas: 168
Lançamento: Setembro/96
Público-alvo: Profissionais, Professores, estudantes e pesquisadores da área de relações públicas, comunicação e administração.
Preço: R$ 18,00
Editora: Summus Editorial Ltda. ntspress@wm.com.br
Tel. (011) 3675-3927 Fax (011) 3862-3986


RELAÇÕES PÚBLICAS E MODERNIDADE

Novos paradigmas na comunicação organizacional


A publicação deste livro da professora Margarida M. K. Krunsch constitui mais uma excelente colaboração da autora para aqueles que, por profissão, se envolvem com a comunicação em organizações, a promoção institucional e mercadológica, a assessoria de imprensa e o próprio marketing. A obra fundamenta-se em autores renomados e atuais, em extensa pesquisa feita junto a profissionais do setor e também junto a empresários e representantes de entidades da área de comunicação. Um dos grandes méritos da obra é a reconstituição da história de relações públicas e da comunicação social entre nós, tema pouco conhecido pelos próprios profissionais do setor. É a busca de identidade profissional de relações públicas, reconstituindo-a por meio dos trabalhos pioneiros da comunicação empresarial, bem como da contribuição que relações públicas trouxe para a comunicação organizacional entre nós.

A leitura crítica da autora sobre relações públicas perpassa as décadas de 1950 a 90. É o primeiro livro que aborda em profundidade a história da comunicação no Brasil. Acentua a medida extemporânea da regulamentação da profissão, a influência negativa de seu mau uso, o erro de enfoque do deslocamento do Conferp de São Paulo para Brasília e a perda de espaço constante para o jornalismo, marketing e para as agências de propaganda.

O desconhecimento da atividade do relações públicas, as confusões de terminologia, a falta de definições claras das atividades específicas das áreas de relações públicas, jornalismo, propaganda e marketing e a "invasão" sistematizada de áreas trouxeram o descrédito da profissão perante as empresas, reduzindo seu campo de ação. Tudo isso se agrava devido à não adequação dos novos profissionais a realidade do mercado.

O desafio de praticar comunicação e relações públicas no terceiro milênio é estudado à luz de novos paradigmas amparado em teorias claras que devem permitir a continuidade destas práticas no futuro. É trabalhada a idéia de modernidade e a necessidade que têm as Relações Públicas e a Comunicação Organizacional de encontrar novas posturas capazes de responder às exigências da modernidade.

Na busca de novos paradigmas, a autora parte do principio de que Comunicação e Relações Públicas integram as ciências sociais aplicadas. Para a Comunicação, defende sua tese de comunicação organizacional integrada, que é sustentada pela comunicação institucional (relações públicas, marketing social, cultural, jornalismo etc.), pela comunicação mercadológica (marketing, propaganda, promoções de vendas, etc.), pela comunicação interna e pela comunicação administrativa. É debatido, ainda, na parte final da obra o conceito de administração da comunicação como ferramenta estratégica de ação das organizações, as interfaces de relações públicas com marketing.

Relações Públicas e Comunicação Organizacional representam, para a autora, o caminho para a modernidade, contanto que sejam claramente estabelecidos seus objetivos específicos e façam parte do planejamento global e estratégico da ação das empresas com seus diferentes públicos, conforme as exigências da globalização que impõem novos paradigmas em toda a estrutura das organizações e no mercado. O profissional do futuro deverá gerenciar conflitos, mas sempre imbuído de ética profissional, integridade, responsabilidade social, possuindo ainda amplos e profundos conhecimentos para que tenha competência para administrar o processo global de comunicação da organização.

A obra deixa muitos pontos de reflexão sobre o estudo de Relações Públicas e da Comunicação Organizacional. Conclui dizendo que, para Relações Públicas, está na hora de pensar grande, espelhar-se em uma nova visão de mundo. Só assim esta atividade será capaz de recuperar seu conceito, de engendrar novas estratégias, de administrar efetivamente a comunicação organizacional.

Resenha de Fábio Franca: consultor de Relações Públicas e Marketing Pessoal

Título: RELAÇÕES PÚBLICAS E MODERNIDADE
Novos paradigmas na comunicação organizacional
Autor: Margarida Maria Krohling Kunsch
Páginas: 160
Público-alvo: Profissionais de Relações Públicas, comunicadores, profissio-nais de Relações Humanas, empresários e administradores públicos e privados.
Preço de lançamento: R$ 18,00
Editora: Summus Editorial Ltda. Ntspress@wm.com.br
Tel. (011) 3675-3927 Fax (011) 3862-3986.


OBTENDO RESULTADO COM RELAÇÕES PÚBLICAS

Com organização de Margarida Maria Krohling Kunsch, professora da Escola de Comunicação e Artes da USP, o livro reúne vinte artigos de pesquisadores e profissionais da área de RP, entre eles Mário Ernesto Humberg, Paulo Nassar, Flávio Schmidt e Vera de Mello Giangrande. A obra é resultado de convênio assinado há três anos entre a ECA e Aberp.

Dirigido a profissionais do setor, empresários e estudantes, o livro enfoca os vários aspectos das Relações Públicas, sempre tendo como objetivo a obtenção de resultados práticos, que possam ser aplicados no dia a dia. Assim, em seus vinte artigos, o livro mostra as possibilidades de se utilizar adequadamente as ferramentas de Relações Públicas e comunicação em benefício das organizações e da sociedade em geral.

A obra foi dividida em três partes. Na primeira delas são apresentados os conceitos básicos e as funções estratégicas de RP. Na segunda os autores discorrem sobre as técnicas e instrumentos disponíveis. Na terceira e última parte é discutido o mercado de trabalho, incluindo-se aí o futuro do setor no Brasil, as relações entre RP, a mídia e a comunidade e o papel do profissional de RP no gerenciamento de crises.

Margarida Maria Krohling Kunsch é livre docente em Ciências da Comunicação pela ECA, lecionando nos cursos de graduação. Entre outros cargos, é assessora da Coordenadoria de Comunicação Social da USP e vice-presidente da Asociación Latinoamericana de Investigadores da Comunicación.

Título: OBTENDO RESULTADOS COM RELAÇÕES PÚBLICAS
Autor: Diversos
Páginas: 268
Preço de lançamento: R$ 45,00
Editora: PIONEIRA THOMSON LEARNING
Endereço: Praça Dirceu de Lima, 313. CEP 02515-050
Tel. 11 - 3858-3199  FAX 11 - 3858-0443
Site: www.pioneiratl.com.br


OS FUNDAMENTOS DE RELAÇÕES PÚBLICAS E DE COMUNICAÇÃO


A Editora Pioneira já está distribuindo ao mercado o livro OS FUNDAMENTOS DE RELAÇÕES PÚBLICAS E DA COMUNICAÇÃO. A obra reúne nove textos escritos pelo americano Philip Lesly – sozinho ou em parceria com outros autores como Robert Carlson, George Gallup, Alec Gallup, William Cook, Herbert Baus e Judith Rich. Todos os textos têm como pano de fundo o papel das Relações Públicas no mundo contemporâneo.Ao todo são nove textos: A Natureza e o papel de Relações Públicas; Políticas, Assuntos Públicos, Crises e Oportunidades; A natureza das Comunicações Eficazes; Análise, Planejamento e Programação; Pesquisa de Opinião para Relações Públicas; Encontrando os Fatos para Relações Públicas; Preparativos para a Comunicação; Relações com a Mídia de Propaganda; Relações Públicas e Marketing.

Completam o livro vários documentos, como o Código de Ética Unificado, uma Bibliografia e um Glossário, com os termos técnicos e jargões da área. Todos documentos indispensáveis a estudantes e profissionais da área.
Philip Lesly é um das maiores autoridades em Relações Públicas. É autor de vários livros, entre eles Public Relations Handbook, a "bíblia" da área. É editor da revista quinzenal Managing the Human Climate e presidente da The Philip Lesly Company.

Título: OS FUNDAMENTOS DE RELAÇÕES PÚBLICAS E DE COMUNICAÇÃO
Autor: Philip Lesly e outros
Páginas: 256
Preço de lançamento: R$ 36,80
Editora: Pioneira
Endereço: Praça Dirceu de Lima, 313. CEP 05015-050
Tel. 0800 111 939 Fax (011) 858-0443.


CERIMONIAL PARA A FELICIDADE: livro de Elizabeth Speers

Um trabalho em que a autora procura instar o leitor para que tenha uma vida mais interior, deixando de lado o materialismo da vida exterior. Nesse processo procura levar o leitor com única e exclusiva ajuda a conviver com seu EU interior, indicando as formas de conduta. Deve ser considerada uma obra de auto ajuda. Preço: R$ 22,00.


Os livros de Nelson Speers e Elizabeth Speers podem ser solicitados pelo e-mail do SINPRORP. sinprorp@cybernetpro.org.br


IMAGEM EMPRESARIAL - Como as organizações (e as pessoas) podem se proteger e tirar partido do seu maior patrimônio

Roberto de Castro Neves

Como IMAGEM se inter-relaciona com Competitividade, Opinião Pública, Comunicações, Marketing, Embalagem, Internet, Relações Públicas e Público Interno? Como tudo isso deve se integrar? Como usar a IMAGEM como alavanca de negócios e fator de sucesso empresarial? Como lidar com situações constrangedoras e fora de controle e tranformá-las em oportunidades?

IMAGEM EMPRESARIAL - Como as organizações (e as pessoas) podem proteger e tirar partido do seu maior patrimônio, dá você todos os elementos necessários para lidar com situações que, no dia-a-dia, constroem -ou, se você não souber lidar, liquidam - a sua imagem.

QUEM ensina o caminho das pedras é Roberto de Castro Neves, destacado autor do time de executivos que recuperou a imagem da IBM no Brasil nos anos 80 e 90, então seriamente lesada pela chamada Política Nacional de Informática. Tendo iniciado sua carreira na IBM como analista de sistemas e chegado a Vice-Presidente de Recursos Humanos e Assuntos Externos - além de outras funções executivas, tais como consultor da imagem da IBM para toda a América Latina e membro do Comitê Executivo da empresa no Brasil - , Castro Neves tem muito para contar.

E tudo em linguagem objetiva, prática e bem-humorada.

Estudioso das questões públicas internacionais e atento às transformações pelas quais passam as empresas, os governos, os negócios, a mídia e a sociedade nesta virada de século, o autor tem larga experiência em palestras no país e no exterior sobre Imagem Empresarial, Comunicações, Relações Governamentais, com a Imprensa e com a Comunidade em geral.

Autor: ROBERTO DE CASTRO NEVES
Páginas: 420
Preço: R$ 44,00

MAIORES INFORMAÇÕES
MAUAD EDITORA: Tel.: 0/XX/21 533-7422 / 524-5976 / 524-5977 / Fax: 0/XX/21 220-4451


COMO CONSTRUIR SUA COMPETÊNCIA

As energias yin e yang têm um papel fundamental na forma como reagimos às situações mais comuns. Agressividade e competitividade, por exemplo, são expressões da energia yang, muito valorizada hoje nas empresas. Mas, se por um lado essas características são aliadas para vencer no mercado, de outro podem trazer um sério problema para dentro das organizações: a falta de liderança. A análise é feita pelo consultor de empresas e terapeuta organizacional Gustavo Boog no livro “Faça a Diferença! - Como construir sua competência pessoal e transformar seus potenciais em realidade”, lançado em novembro pela editora Infinito.

Sem a pretensão de oferecer fórmulas prontas, Boog procura desenvolver no leitor uma auto-análise sobre as suas competências e as preocupações em adequar as crenças aos projetos profissionais. As análises também são feitas através de exercícios práticos que visam descobrir como cada um reage diante de situações corriqueiras. A idéia do autor não é discutir formas de gestão empresarial. Ele fala sobre a importância da integração dos níveis físico, vital, emocional e espiritual para o bom desempenho no âmbito profissional.

Ex-executivo da Sabesp, Villares e do grupo Camargo Corrêa, Boog é autor de diversos livros sobre gerência, desenvolvimento humano e organizacional e uso da terapia floral nas empresas. Atualmente ele é professor do MBA (Master in Business Administration) em Recursos Humanos da Universidade de São Paulo (USP) e da Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

Faça a Diferença! -Como transformar seus potenciais em realidade - Autor: Gustavo Boog - Páginas 216 - Editora Infinito - Preço R$ 24,00.

Fonte: Valor Econômico - Eu & Carreira - Roberta Lippi- pg.D4 - 04/12/2000.


Ferramentas avançadas de pesquisa estão reunidas em um livro que dá suporte metodológico para estudiosos de diversas áreas

Com a intenção de nortear as ações de pesquisadores acadêmicos, Ada Freitas Maneti Dencker e Sarah Chucid Da Viá, consideradas especialistas na área de pesquisa, lançam, pela editora Futura, Pesquisa Empírica em Ciências Humanas. Com esse livro, as autoras exploram o tema da metodologia científica, com suas técnicas e avaliações. O livro, que já está nas livrarias, se propõe a ser uma ferramenta de apoio à projetos de pós-graduação, monografias e TCCs, além de poder auxiliar professores na preparação de aulas. Segundo Tupã Gomes Corrêa, diretor da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), doutor em Ciências e responsável pelo prefácio da edição, “a obra, um verdadeiro curso de pesquisa para ciências humanas e sociais, com aplicações em áreas de comunicação, é triplamente reveladora: esmero e rigor metodológico, consistência teórica das fontes que a fundamentam e forma descomplicada com que introduz procedimentos que podem ser complexos”.

Pesquisa Empírica em Ciências Humanas é um livro didático, com 192 páginas e 14 capítulos. Segue o formato de um livro texto onde os capítulos são apresentados segundo a ordem: resumo do capítulo, objetivos específicos, tópicos de estudos e questões para exercícios. Dentre os muitos aspectos tratados no livro, destacam-se a abordagem dada pelas autoras à natureza do conhecimento científico e da pesquisa empírica e suas etapas, o papel da metodologia científica, as características do trabalho científico, o uso de processos estatísticos e técnicas de entrevistas. Um dos grandes atrativos do título é a sua bibliografia consistente. Interessados em se aprofundar no assunto irão encontrar nos dados bibliográficos uma fonte valiosa de consulta e estudo.

SOBRE AS AUTORAS: Ada de Freitas Maneti Dencker é doutora pela USP e consultora de pesquisa. Professora das disciplinas Métodos e técnicas de pesquisa e turismo e Trabalho de análise interdisciplinar, na UNIP, e Metodologia do planejamento turístico, da pós-graduação do Senac/Ceatel, é autora de Métodos e técnicas de pesquisa em turismo (1998), publicado pela editora Futura. Sarah Chucid Da Viá, consultora na área de pesquisa, atuou como vice-diretora da ECA/USP e é professora titular das áreas de pesquisa em comunicação e de pesquisa e teoria de opinião pública, na mesma faculdade. Autora de livros e artigos, leciona Trabalhos de conclusão de curso e Metodologia da Pesquisa Científica na UNIBERO.

Pesquisa Empírica em Ciências Humanas

Autores: Ada de Freitas Maneti Dencker e Sarah Chucid Da Viá
Prefácio: Tupã Gomes Corrêa
Área: Metodologia Científica
Editora Futura
Páginas: 192
Preço: R$ 19,00
www.edfutura.com.br

Marcília Ursini
Assessora de Comunicação
11 36494716 / 11 38328616
mursini@siciliano.com.br


 

CURSO DE RELAÇÕES PÚBLICAS - RELAÇÕES COM OS DIFERENTES PÚBLICOS
Cândido Teobaldo de Souza Andrade

O livro Curso de Relações Públicas, editado pela primeira vez em 1970, constitui-se, desde então, em uma obra técnico-didática pioneira no campo das Relações Públicas a surgir no Brasil e também no mundo. Totalmente revisada e ampliada para manter-se atualizada neste início do século XXI, a obra tem como destaque, nesta 6a edição, a inclusão do novo capítulo "Cidadania e Relações Públicas". O tema recebe destaque em nossos dias, em razão de seus diversos ângulos de análise, como, por exemplo, a responsabilidade social das empresas, a questão da filantropia institucional e as organizações do chamado "terceiro setor", manifestações sociais típicas de ambientes de relacionamento, os quais precisam das atividades de Relações Públicas para atingir os seus objetivos.

ISBN: 8522103151
Categoria: Marketing e Comunicação
Número de páginas: 160
Preço: R$ 45,00

 

 


RELAÇÕES PÚBLICAS

   

 



A história de relações públicas e da função ombudsman no Brasil não pode ser contada sem que o nome de Vera Giangrande seja lembrado. Para ambas as atividades, que coincidem no objetivo de promover a aproximação e o relacionamento ético e duradouro entre duas partes, Vera deu valiosas contribuições, a começar pelo pioneirismo e pela batalha constante em busca da ética profissional.

Vera foi presidente do Conselho Regional de Profissionais de Relações Públicas Conrerp/2ª (SP/PR) e do Conselho Federal de Profissionais de Relações Públicas - Conferp. Sua contribuição vai muito além do período que esteve à frente do Sistema Conferp, em suas duas gestões. Foram 32 anos dedicados à luta pelo reconhecimento da profissão de relações públicas no Brasil e mais 7 anos à frente do pioneiro setor de ombudsman criado pelo Grupo Pão de Açúcar em 1993.

No livro Na Trilha da Excelência - Uma Lição de Relações Públicas e encantamento de Clientes (Negócio Editora Editora, 242 páginas, R$ 29,90), abrem-se freqüentes espaços para o relato de cases de sucesso, panoramas de mercado, transcrições de palestras, histórias de bastidores e minúcias sobre a visão estratégica de Vera Giangrande em relações públicas e suas áreas de atuação como na consultoria estratégica, no atendimento a clientes e no apoio ao marketing. "A reunião organizada das inúmeras experiências de Vera Giangrande talvez seja a maior contribuição que esta obra pode dar ao mundo dos negócios e às próximas gerações de profissionais que enfrentarão o desafio de aproximar empresas e clientes", diz o jornalista Alexandre Volpi, autor do livro.  

Sobre o livro

O livro Na Trilha da Excelência tem o apoio do Grupo Pão de Açúcar, do Programa de administração de Varejo (Provar), da Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo (FEA/USP).

O jornalista Alexandre Volpi entrevistou 35 fontes, a maioria mais de uma vez. Entre os entrevistados, estão Abilio Diniz (Grupo Pão de Açúcar), Agostinho Gaspar (G&A), Alexandre Bossolani (Peg & Faça), Ana Maria Diniz (Grupo Pão de Açúcar), Antonio De Salvo (ADS), Carlos Eduardo Mestieri (Inform), Claudio Felisoni de Angelo (Provar – USP), Edson Luiz Vismona (ABO), Flavio Schmidt (Conferp), George Washington, José Carlos Figueiredo, José Carlos Ferreira, José Rolim Valença e Luiz Antonio Viana (Net).

Apoio: Grupo Pão de Açúcar, Provar, Conferp

Mais informações
Negócio Editora
| www.negocioeditora.com.br |
Assessoria de imprensa Contato: Marina Fidalgo
| mfidalgo@negocioeditora.com.br |
Tel.: (11) 3845-8555    02/03/2003

 


Planejamento de Relações Públicas
na Comunicação Integrada
novo livro de Margarida Kunsch

A Summus acaba de editar o livro Planejamento de relações públicas na comunicação integrada, de Margarida M. Krohling Kunsch, pesquisadora da ECA-USP, onde coordena o curso de graduação lato sensu em Relações Públicas e Comunicação Organizacional. A autora, que foi presidente da Intercom - Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação em duas gestões, é a atual presidente da Alaic - Asociación Latinoamericana de Investigadores de la Comunicación.

Em sua quarta edição, revista, atualizada e ampliada, a obra é, na verdade, totalmente nova. Foram muitas as mudanças efetuadas na estruturação e no conteúdo da versão original, de 1986. Incorporaram-se novos conceitos e as contribuições de uma rica bibliografia produzida desde então. Os capítulos passaram de cinco para nove e as 171 páginas iniciais foram aumentadas para 420.

O livro traz conceitos fundamentais sobre organizações, planejamento estratégico, integração da comunicação e planejamento de relações públicas. Busca absorver conhecimentos acumulados pelas áreas de Administração e Comunicação, aplicando-os à “comunicação organizacional”. Trata-se de um conceito que há quase trinta anos a autora adota no lugar de “comunicação empresarial”. Ela demonstra que “os profissionais de relações públicas, como gestores dessa comunicação, devem utilizar métodos científicos, agregando valor às suas atividades e contribuindo para que as organizações assumam sua responsabilidade corporativa e pública”.

Desde seu ingresso no mestrado da ECA-USP, em 1979, Margarida também defende que as relações públicas têm de atuar dentro de uma a filosofia de “comunicação integrada”, interagindo com as outras áreas da Comunicação Social. Com isso, tentava vislumbrar novas perspectivas para a atividade, “que não pode isolar-se em si própria”. Surgiria daí a primeira edição do livro, em que ela apresentava esse conceito, agora aperfeiçoado na nova edição.

Em 1992 e 1997, a autora publicaria ainda outras duas obras abordando a necessidade de canalizar a sinergia entre as diversas áreas da comunicação. Contribuiu, assim, para a consolidação desse conceito de “comunicação integrada”, que hoje é adotado por outros autores. Ele também é usado na razão social de assessorias que oferecem serviços integrados de imprensa, relações públicas, propaganda e promoção mercadológica, tópicos abordados no capítulo 4.

“Em pleno início do terceiro milênio, chegou o momento de as relações públicas, no Brasil, assumirem uma postura estratégica como campo acadêmico e profissional”, diz Margarida. Como um subsistema no contexto institucional, essa área, “em pleno início do terceiro milênio, deve exercer suas funções essenciais e específicas de forma devidamente fundamentada, teórica e tecnicamente, valendo-se de teorias já testadas”, salienta a autora.

Para adquirir o livro ou obter mais informações, pode-se contatar a Summus, através do site www.summus.com.br

abril de 2003

 

Livros que não são da área de Relações Públicas

Lançamentos do mercado

-   CRM
   
Customer Relationship Management

    Em um cenário de competição acirrada, sao necessárias novas estratégias  para incorporar as mais modernas tecnologias a serviço da conquista e da manutenção dos clientes. Segundo o autor, o CRM, se bem utilizado, sintetiza esse objetivo. Além de explicar o conceito de CRM, o livro detalha as formas de implementá-lo, dependendo da necessidade de cada empresa.

CRM - Customer Relationship Management, Paul Greenberg, Campus,
416 páginas - R$ 59,00.

-   MBA para Dummies
   
Nem todo mundo pode fazer um MBA. Seja por falta de tempo, seja por falta de dinheiro, muita gente deixa de ter acesso ao que há de mais moderno sobre finanças, marketing, empreendimentos, comercio eletrônico e outros tópicos fundamentais da administração. Solução? O MBA para Dummies traz dicas das melhores escolas de MBA americanas, sobre como motivar empregados, formar equipes competentes, entender os fundamentos das finanças, criar planos de marketing eficientes, sair na frente nas negociações, fazer a Internet trabalhar por nós, entre outros. E mais: os autores identificam os riscos potenciais da criação de um empreendimento e recomendam os caminhos mais seguros para o gerenciamento desses riscos.

MBA para Dummies, Kathleen Allen e Peter Economy, Editora Campus,
408 páginas, R$ 55,00.

Fonte:Revista Vencer - Seção: Livros  - pg.78/79 - 14/9/2001.

 

COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL

COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL: Teoria e Pesquisa
Novo livro traz ensaios e pesquisas em Comunicação Empresarial
O mercado editorial brasileiro acaba de incorporar um novo título sobre Comunicação Empresarial, lançado pela Editora Manole , denonimado Comunicação Empresarial: Teoria e Pesquisa, do jornalista e professor Wilson da Costa Bueno.
O livro, com um total de 370 páginas, traz 19 capítulos, distribuídos em 3 partes: Teoria (com 8 ensaios sobre temas relevantes da área); Pesquisa (com um artigo sobre pesquisa em comunicação empresarial no Brasil e 8 relatórios de pesquisas realizadas) e Fontes e Links (com bibliografia, sites e fontes em cerca de 30 sub-temas de Comunicação Empresarial, incluindo uma relação das principais revistas de Comunicação do Brasil e da América Latina).
O autor é professor da USP e da UMESP, com mestrado e doutorado em Comunicação pela USP e especialização em Comunicação Rural e Jornalismo Científico. Já orientou mais de 60 dissertações e teses em Comunicação e tem proferido cursos e palestras em eventos nacionais e internacionais sobre as áreas de sua especialidade: Comunicação Empresarial, Comunicação em Agribusiness e Meio Ambiente, Comunicação para a Saúde e Jornalismo Científico. É editor dos sites Comunicação Empresarial on Line, Portal do Jornalismo Científico on Line e Comunicação em Agribusiness e Meio Ambiente. Wilson da Costa Bueno é diretor da Comtexto Comunicação e Pesquisa.Editora Manole Ltda.www.manole.com.br e-mail: info@manole.com.br  e-mail do autor: wilbueno@dialdata.com.br  dezembro de 2002.

Cléia Fátima Rey
Diretora
Comtexto Comunicação e Pesquisa  

 

Livros - Roberto de Castro Neves 

Título: Crises Empresariais com a Opinião Pública
Editora: Mauad
Publicação:1/11/2002
Páginas: 247   Preço: R$ 42  [onde comprar]
Sinopse:
*** Toda empresa já viveu ou viverá uma crise com a Opinião Pública *** Crises Empresariais com a Opinião Pública causam enormes prejuízos para a Sociedade. Perdem os acionistas, os empregados, os fornecedores, os clientes e consumidores, os governos. Para a empresa, pode custar a destruição de uma preciosa marca ou até mesmo a existência da organização *** Novas demandas sociais, o surgimento de novos atores, a democratização do acesso à informação são indicadores de que conflitos entre Empresa e Opinião Pública vão aumentar *** Há muitos preconceitos na Opinião Pública com relação a Empresas e Empresários. Esses preconceitos influem na qualidade, extensão e profundidade das crises e dos conflitos *** Toda empresa tem vulnerabilidades. 90% dessas vulnerabilidades - que vão detonar crises no futuro - estão hoje em processo de amadurecimento dentro das organizações *** Crises Empresariais com a Opinião Pública são evitáveis e administráveis. A disciplina “Gerência de Crises” é um novo ramo da “Ciência da Administração Empresarial” e um dos temas que estudiosos mais têm pesquisado ultimamente *** O que se gasta na preparação de uma empresa para esse tipo de crise é infinitamente menor do que os gastos decorrentes de uma crise para a qual a organização não estava preparada *** Neste seu novo livro, o autor fala de algumas teorias, dá sugestões sobre que é preciso fazer para administrar as crises e exibe vários casos interessantes.
Fonte: www.imagemempresarial.com   janeiro de 2003
 
 
Livros - Roberto de Castro Neves

Título: Imagem Empresarial - Como as organizações [e as pessoas] podem proteg..

Editora: MAUAD

Publicação:13/12/1998

Páginas: 420   Preço: R$ 47,  [onde comprar]

Sinopse:
Como IMAGEM se inter-relaciona com Competitividade, Opinião Pública, Comunicações, Marketing, Embalagem, Internet, Relações Públicas e Público Interno? Como tudo isto deve ser integrado? Como usar a IMAGEM como alavanca de negócios e fator de sucesso empresarial? Como lidar com situações constrangedoras e fora de controle e transforma-las em oportunidades?
Este trabalho, já em terceira edição, fornece ao leitor os elementos necessários para lidar com situações que, no dia-a-dia, constroem – ou, se não forem administradas, liquidam – a IMAGEM EMPRESARIAL.   Críticas e Comentários:
“Um livro em que a comunicação empresarial é analisada com os melhores atributos que ela pode ter: agudeza de observação, horizontes largos, clareza, ética e muito bom humor.”
Revista RUMOS – Roberto M. Moura – Jornalista, mestre em Comunicação e Cultura pela UFRJ, professor adjunto da Faculdade Hélio Alonso
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
"Crítico afiado e reconhecido estrategista, o autor decidiu dividir com mais gente o que aprendeu. Num país carente de literatura técnica e de boas idéias, esta opção é muito bem-vinda."
Revista EXAME - Fabio Steinberg - Consultor
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.
"A publicação mostra a Imagem Empresarial como valioso patrimônio da organização."
Gazeta Mercantil
Fonte: www.imagemempresarial.com.br  - maio de 2003