CANAL RP

Núcleo de Produtos da   

Agência de Relações Públicas Unidade Experimental

Curso de Relações Públicas – Universidade Metodista de São Paulo

Ano III – Número 34 – 27 de março de 2002

 

Encontro com clientes estabelece parceria das empresas com as Agências de Projetos Experimentais de Relações Públicas

A inovação vem se tornado marca distintiva do curso de Relações Públicas da Metodista. Neste ano, editou-se o Manual de Produção dos Projetos Experimentais, que traz revisão do regulamento, novo roteiro na busca da excelência e ainda as normas da metodologia para a montagem correta dos trabalhos desde o seu início. 

Outra iniciativa bem-sucedida em 2000 e que se repete, agora em abril, com grande expectativa, é o 2º Encontro dos Clientes de Projetos Experimentais com as Agências constituídas neste semestre.

Esta reunião tornou-se imprescindível, na medida em que seu objetivo é aproximar os empresários da universidade, dando a eles informações relevantes sobre a estrutura e o desenvolvimento dos projetos no decorrer do período letivo de 2002, para que possam estabelecer um compromisso com a direção do curso como parceiros na formação de novos profissionais de Relações Públicas.

A troca de idéias com empresários pretende também sensibilizá-los sobre o valor da profissão e predispô-los para que compreendam a importância estratégica de Relações Públicas e abram as portas de suas organizações para a contratação de jovens profissionais.

Guilherme Mendes

 

Curso de Jornalismo cria Prêmio para Melhores Projetos Experimentais

O curso de Jornalismo da Faculdade de Jornalismo e Relações Públicas da UMESP está promovendo hoje, 27, no Anfiteatro Sigma, Campus Rudge Ramos, a entrega do I Prêmio Metodista de Jornalismo, destinado aos melhores Projetos Experimentais produzidos pelos alunos do 4º ano do curso, em 2001.

Os Projetos estão divididos em 8 categorias: telejornalismo, radiojornalismo, fotojornalismo, assessoria de comunicação, monografia, livro-reportagem, jornalismo impresso e jornalismo digital.

A Comissão Julgadora é composta por professores da UMESP, de outras instituições de ensino superior e por profissionais de jornalismo atuantes no mercado.

Na opinião da Coordenadora dos Projetos Experimentais, professora Samantha Castelo Branco, “a instituição do prêmio Metodista de Jornalismo é uma iniciativa da direção do curso para valorizar a produção do aluno e incentivar a realização de Projetos com qualidade”.

Marcello Ghigonetto

 

Comunicação para a cidadania é o tema do Congresso da Intercom

  A Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação anuncia o XXV Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação a ser realizado de 1 a 7 de setembro em Salvador, BA.

O pré-congresso ocupará os dias 1 e 2 de setembro, cedendo lugar, no dia 3, para o Congresso, que inclui a programação dos diversos eventos científicos. Os Núcleos de Pesquisa acontecem nos dias 4 e 5 e a inscrição de trabalhos podem ser feitas até o dia 30 de abril de 2002. Informações www.intercom.org.br 

Professor Waldemar Kunsch lança livro sobre comunicação eclesial

  Fruto de sua dissertação de mestrado na UMESP, onde é professor, Waldemar Luiz Kunsch lançou pelas Paulinas o livro O Verbo se fez Palavra, no qual faz uma análise sobre diferentes aspectos da comunicação eclesial no Brasil.

O Verbo se fez Palavra aborda o conhecimento acumulado pela universidade brasileira sobre a comunicação eclesial católica. O cerne da análise concentra-se na conjuntura do último quartel do século XX, quando as estratégias da Igreja passaram a contemplar os desafios da aldeia global. O foco investigativo privilegia as singularidades brasileiras, diagnosticadas por um segmento da comunidade acadêmica que transita habilmente entre os laboratórios de pesquisa e os templos religiosos.

Unindo o manejo da escrita correta, elegante e agradável ao domínio das demandas cognitivas dos públicos-alvo, o livro destina-se não só a agentes da pastoral da comunicação como também a profissionais, professores e estudantes da área. A todos eles se oferece a oportunidade de apreender as lições esboçadas pelo autor, ao desvendar o emaranhado teórico-metodológico de estruturas que a linguagem universitária complica desnecessariamente.

Graças à sua capacidade argumentativa, Waldemar Luiz Kunsch consegue, com esta obra, cumprir o papel de intérprete e crítico desse conhecimento cifrado academicamente, explicitando-o de forma clara e convincente para os leitores potenciais, num trabalho de mediação pedagógica e divulgação científica. Sua façanha meritória foi, sem dúvida, ter simplificado hipóteses, teses e sínteses construídas pelos comunicólogos, tornado-as palpáveis, inteligíveis e aplicáveis.

Waldemar Luiz Kunsch, filósofo, jornalista e relações-públicas, é mestre em Comunicação Social. O Verbo se fez palavra é fruto de sua dissertação de mestrado, apresentada à Universidade Metodista de São Paulo em 2001. Organizou, junto com outros autores, as obras De Belém a Bagé: imagens mediáticas do Natal brasileiro (Umesp, 1998) e Estado, mercado e interesse público: a comunicação e os discursos institucionais (Labjor-Unicamp/Banco do Brasil, 1999). Editou o conteúdo de treze livros e coletâneas de Comunicação, foi editor de uma série de publicações institucionais e é editor-adjunto da revista científica Comunicação & Sociedade, da Universidade Metodista de São Paulo.

O Verbo se faz palavra: caminhos da comunicação eclesial católica, São Paulo, Paulinas, 2002. Coleção Comunicação – Estudos.

 

Por que estudar Sociologia no curso de Relações Públicas?

Muitos alunos de comunicação podem, às vezes, perguntar: “Por que devo estudar Filosofia, Antropologia ou Sociologia? Como aplicarei as teorias aprendidas nestas disciplinas em minha vida profissional?”. A estagiária Mariana Geraldine foi atrás das respostas e entrevistou o professor Roberto Huck, que ministra aulas de Sociologia Geral e Aplicada à Administração, no curso de Relações Públicas da Universidade Metodista de São Paulo.

Canal RP – Professor, na sua opinião, qual é a importância da Sociologia para as Relações Públicas?

Roberto Huck – A disciplina de Sociologia Geral enfoca a sociedade, portanto as relações que se dão em sociedade, identificando como os grupos sociais se inter-relacionam e daí por diante. Para o aluno de Relações Públicas, que é um aluno que está inserido no contexto social, é extremamente importante saber como se dão os processos sociais, em sociedade, como se dão os fatos sociais, os fenômenos sociais, porque isso pode ajudá-lo muito em seu desempenho profissional, dependendo de seu ramo de atuação. Já o enfoque da Sociologia Aplicada à Administração é um pouco mais diferenciado, é para os processos sociais que se estabelecem nas organizações, então, neste caso, o enfoque é direto no sistema produtivo, no produto, na comunicação, na cultura organizacional e isso é extremamente importante para o profissional de relações públicas. Como administrador, ele participará do processo produtivo, sendo necessário este embasamento, estes conceitos, este conhecimento a respeito dos processos que se estabelecem nas organizações, nas quais está situado.

Canal RP – Como se pode aplicar, na prática profissional, os conceitos de Sociologia às Relações Públicas?

Roberto Huck – Os conceitos de Sociologia podem ser aplicados diariamente, pois nós vivemos em uma sociedade. Dentro das organizações, nas quais encontramos a Sociologia Aplicada à Administração, você se depara diariamente com conceitos, situações já discutidas em sala de aula e assim por diante. Por exemplo, para fazer um jornal interno, é necessário conhecer o público para o qual ele se destina, para saber que tipo de comunicação utilizar; conhecer o seu repertório com base na região onde se encontra. Dependendo do público, eu terei que ter uma forma de redação apropriada, haverá a especificação do conteúdo da mensagem, pois esta deve despertar seu interesse, porque não adianta falar sobre um assunto que não é de interesse das pessoas daquela área geográfica, é necessário dar “ganchos” para fazer com que este público leia esse veículo.

Canal RP – Que contribuição a Sociologia pode oferecer hoje para as Relações Públicas?

Roberto Huck – Hoje o mundo e a sociedade são muito complexos. Nós vivemos um processo de globalização e, como conseqüência dele, uma complexidade nas relações sociais. Sendo assim, o profissional de Relações Públicas tem que trabalhar com essa complexidade, e a Sociologia é uma ferramenta extremamente importante para entendê-la. É preciso conhecer os processos sociais que se dão e sua articulação, como eles ocorrem, o porquê de seus acontecimentos, isso é muito importante para o desempenho do relações-públicas, para que suas ações sejam eficientes e eficazes dentro da organização em que irá trabalhar.

Mariana M. Geraldine

 

Curso de Relações Públicas da Universidade Metodista de São Paulo

30 Anos

Tradição - Ética - Excelência

 

Para receber o Canal RP, envie um e-mail para

canalrp@metodista.br

 

Expediente 

O Canal RP:
informativo eletrônico produzido pelo Núcleo de Produtos e Instrumentos de Comunicação da Agência de Relações Públicas Unidade Experimental da Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Seu objetivo é divulgar e promover a atividade profissional, tendo como referencial a qualidade UMESP e seu curso de Relações Públicas.

Equipe de Produção

Editor: Professor Ms. Fábio França (MTB1880)
Revisão:
Professora Débora Marie Tamayose
Equipe de Redação:
Bruno Crepaldi Rossini, Daniel Kasuiti Kaga, Eduardo Alves da Silva, Guilherme Mendes, Leonardo Filoso, Marcello Ghigonetto e Mariana de Marco Geraldine.
Coordenador do Núcleo de Produtos:
Prof. Ms. Fábio França CONRERP SP/PR-586.

FACULDADE DE JORNALISMO E RELAÇÕES PÚBLICAS

Diretora e Coordenadora do curso de Relações Públicas: Profª. Drª. Maria Aparecida Ferrari


E-mail: canalrp@metodista.br

 

E-mail: agenciarp@metodista.br

Este boletim é enviado para as pessoas cadastradas. Inclui indicação para ser removido. Portanto, não pode ser considerado SPAM e está de acordo com a nova legislação sobre correio eletrônico, Seção 301, Parágrafo (a)(2)(c), Decreto S.1618, Título Terceiro, aprovado pelo “105º Congresso Base das Normativas Internacionais sobre o SPAM”.

Para não receber mais o Canal RP, basta enviar um e-mail em branco para canalrp@metodista.br